Apraxia

A apraxia é um termo geral. Ela pode causar problemas em diversas partes do corpo, como braços e pernas. A apraxia ou dispraxia verbal é um distúrbio motor da fala. Pode ser causada por lesão em partes do cérebro responsáveis pela fala.

A apraxia verbal ou de fala é uma alteração da articulação causada por uma lesão cerebral que resulta na perda da capacidade de organizar o posicionamento da musculatura da fala e de sequencializar os movimentos na produção espontânea de fonemas ou de uma sequência de fonemas (Darley, Aronson, Brown, 1975).

As pessoas com apraxia verbal têm problemas com a sequência de sons nas sílabas e palavras. Elas sabem o que querem dizer, mas o cérebro delas têm dificuldade em coordenar os movimentos musculares necessários para dizer as palavras. Elas podem dizer algo completamente diferente e, algumas vezes, inventar novas palavras. Por exemplo, uma pessoa pode tentar falar "mala", mas fala "bala", "pala", "tala". A pessoa pode perceber o erro e tentar corrigir-se novamente, conseguindo acertar algumas vezes ou falando algo totalmente diferente. Isso pode ser frustrante para a pessoa e pode ser muito complicado compreender o que a pessoa com apraxia verbal está dizendo. Algumas vezes a pessoa não consegue executar alguns movimentos orofaciais sob comando voluntário, é a apraxia não-verbal.

A gravidade depende da natureza e extensão da lesão cerebral, podendo ser de leve a grave.

O fonoaudiólogo é o profissional capacitado a avaliar e tratar os casos de apraxia verbal e não-verbal.